sábado, 9 de julho de 2011

NÃO IMPEDE O USO






Essa instalação foi feita para a ocupação artística do apartamento 402 do número 116 na praia do Flamengo -RJ.Esse acontecimento se deu nos dias 10, 11 e 12 de junho de 2011.
Um grupo de artistas foi chamado para fazer intervenções artísticas no apto. durante 3 dias antes que as obras de reforma fossem concluídas. Pois bem, esse local foi palco de performances várias, fotografias e vídeos , objetos, desenhos e todo tipo de manifestação artística culminando sempre com uma grande festa dançante.
O número de pessoas que compareceu superou as expectativa dos organizadores, confirmando que o Rio de Janeiro está sempre aberto a movimentos espontâneos como esse.
Os donos do apartamento, amantes da arte, deram total liberdade para que os artistas criassem.
O meu trabalho consistiu em fazer do banheiro um objeto de arte sem que seu uso fosse impedido, já que era o único banheiro da casa pronto.
Inicialmente, pensei em fazer da banheira e do nicho para shampoos um objeto erótico, enchendo-os de pelos.À medida que o trabalho foi se desenvolvendo, acabei por usar todo o banheiro com foco maior nessas duas cavidades: banheira e nicho na parede acima dela.
Ao espalhar pelos por todo o cômodo, o trabalho adquiriu uma potência e outra leitura que não só a do objeto erótico pensada inicialmente.
A provocação e a inquietação causadas, realmente não impediu o uso, que no início foi tímido, mas aos poucos a interatividade foi acontecendo e os visitantes enfiavam a mão na banheira, acariciavam os cabelos, brincavam com os cachos e riam da situação.
Os donos do apartamento, que a essa altura, já devem estar morando lá, certamente não se esquecerão jamais desses acontecimentos.
























sexta-feira, 1 de julho de 2011

DOBRÁVEIS



























Esse trabalho é a continuação dos eróticos- não eróticos.

O ¨buraco do corpo¨como definiu o artista, professor e curador Davi Cury por ocasião de uma exposição no Largo das Artes-RJ, no início deste ano.
Enfim, é mais uma das minhas experimentações com o corpo.








DOBRÁVEIS